segunda-feira, março 12, 2007
CONCURSO "ENCAIXE A FRASE" REVISTA PIAUÍ

frase:

"Não vou tolerar esse tipo de agressão, ainda mais levando em conta que meu tio é ventríloquo"

Os textos aprovados pela redação são postados no site da revista. O melhor, impresso na próxima edição. Lembrando sempre de enviar o conto antes do dia 20, com até 3200 caracteres (espaços inclusos).



FALANDO PELOS COTOVELOS (DO BONECO)

- Não vou tolerar esse tipo de agressão, ainda mais levando em conta que meu tio é ventríloquo!
- Mas é o que eu estou dizendo, Jonas, o cara não tem coragem de se expressar e usa um bonequinho para dizer coisas que não pode dizer ele mesmo!
- Você é que não consegue enxergar a responsabilidade desse trabalho, Ana!
- Responsabilidade é sentar um boneco de pau no colo e sair metralhando besteiras, injúrias e tiras pseudo-engraçadas por todos os lados?
- Ele também fala sobre coisas úteis como criticar o estado atual do governo, os esquemas corruptos...
- Fazendo graça de coisas sérias, retalhando o mundo em piadas com as manchetes do Jornal Nacional? Me poupe, Jonas, que eu já cansei dessa conversa. Me dá a minha bolsa que eu vou embora!
(...)
- Ana? No show de ontem. Ele disse como achava você bonita.
- Foi?
- E como eu teria sorte em me casar com uma garota bacana e inteligente como você.
- Mesmo?
- Mas meu tio só faz metralhar besteiras, injúrias e tiras pseudo-engraçadas por todos os lados...
- Não, não é bem assim... Jonas! Jonas? Volta aqui, Jonas! Jonas, eu já te disse que até acho o boneco bonitinho? Jonas!


Marcadores: , ,

 
postado por Aleksandra Pereira às 9:46 AM |


3 Comentários:


At sábado, março 17, 2007 1:07:00 AM, Anonymous Leonardo 

curto e ao ponto. Parabéns!!

At segunda-feira, março 19, 2007 12:04:00 PM, Anonymous Carlitos 

Minha rainha, como sempre, adorei.
Gostei da reviravolta final, e a forte mulher mostra-se, apenas, mulher.

beijo

At quinta-feira, março 22, 2007 10:37:00 AM, Anonymous Alexandre 

Ahahah! Muito bom. Gostei do final! Nem sempre o que se diz é levado em conta: apenas quando desejamos jogar na cara de alguém!
Uma solução para seu personagem!



LÁGRIMAS LAVADAS© 2006, por Aleksandra Pereira. All rights reserved.