sábado, dezembro 09, 2006
Queridíssimos,
Alguns dos textos publicados aqui no blog gritavam para mim uma particularidade: suas personagens eram desastradas, que erravam mas se esforçavam por um rumo melhor para suas vidas. Tinham pouco, mas não perdiam a esperança.

Por encontrar esse traço em vários dos contos, os organizeio sob o título de "Do fim até o começo", e dediquei um outro blog somente para eles. A inspiração me veio após ler o outro blog de um excelente escritor dessa blogosfera, o Alexandre Costa, do Contos & Cultos. Quem não conhece, dê uma chegada ao "A vida secreta de uma mulher qualquer", recomendo.

Espero que gostem. É uma oportunidade de rever textos já velhos conhecidos, degustar os inéditos (sim!) e também para ler aqueles que escaparam aos comentários de vocês, fiéis amigos leitores.

update_________________________________

Caríssimos,

optei por não abrir comentários lá no "Do fim até o começo", ao menos por enquanto.
Estou tentando essa edição digital para que ele chegue as editoras com algum "currículo", como alguns autores já estão fazendo, até com sucesso, sem esperar mais para acontecer.

Mas deixei lá o link prontinho para o e-mail, querendo escrever, é só mandar! Serve até para mudar e diferenciar do espaço do blog, e ver o "Do fim..." ainda mais como um pré-livro. Espero que entendam e, mais uma vez, obrigada pela força e carinho.




imagem da capa:
"The End"_T. Al Nakib

Marcadores: , , , , , ,

 
postado por Aleksandra Pereira às 5:05 PM |


15 Comentários:


At sábado, dezembro 09, 2006 7:20:00 PM, Blogger Jannine L'Amour 

Oie, vou lá conferir sim, e de antemão parabéns! É bem verdade que não vou hoje que minha conexão discada esta na velocidade de uma tartaruga manca!
Beijinhos mil e um ótimo domigo para vc, Jan

At domingo, dezembro 10, 2006 2:33:00 PM, Anonymous Isa Maria Lisboa 

Alê,
sempre confiei em sua capacidade e talento como autora, e aprova está aqui, nos teus escritos, mesmo que você às vezes duvide disso.

Nunca desanime ou perca as esperanças, invista em você, que uma hora, a sua, chegará.

Enquanto isso, conte conosco, seus amigos, que te querem tanto bem!

Beijo no coração, minha querida, e seja feliz!

At domingo, dezembro 10, 2006 10:49:00 PM, Blogger Felipe 

Idéia linda e oportuna, Alê!!!
E já tem até a capa do livros!
To cheio de orgulho de ti! Parabéns!
Beijão

At domingo, dezembro 10, 2006 10:50:00 PM, Anonymous anita 

puxa!, já está nas bancas?

At domingo, dezembro 10, 2006 11:09:00 PM, Blogger Felipe 

Tá massa o novo espaço!
(Não vai ter comentários, não?)

Li a história da Rose e do Peixoto. Gosto de ver como brincas com a idéia do possível e do impossível, sem se distanciar do cenário cotidiano e da lógica do plausível. Adoro como você consegue envolver a gente com seus personagens, fazê-los visíveis e vivos com tão poucos - mas preciosos - dados.
Beijo

At domingo, dezembro 10, 2006 11:20:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Isa,
minha linda, não existe. Achei que tínhamos perdido contato, e eis que me surge você, casada e em Atlanta! Quanta coisa acontecendo!

Obrigada por não desistir de mim.

Beijo grande.

At domingo, dezembro 10, 2006 11:21:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Jan,
obrigada, minha querida. Passe lá, depois me diga o que achou.

Beijo

At domingo, dezembro 10, 2006 11:24:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Lipe,
obrigada pelo carinho de sempre, mesmo.

A capa foi para incentivar, dar mais vontade ainda de ver acontecendo.

Pensei nessa coisa de comentários, deixar ou não, e acabei deixando-os concentrados aqui nessa casinha mesmo, ao menos por enquanto. Parece até fácil, mas me deu um frio na barriga quando vi o outro blog pronto, pelo que significa para mim. Mas lá tem um link para quem quiser opinar me mandar um e-mail, quem sabe até ajudar a escrever a orelha.

Quer se habilitar também? Seria muuuuito bem-vindo, e adorado.

Beijo grande.

At domingo, dezembro 10, 2006 11:27:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Anita,
quem me dera!

quem me dera que já fosse com uma editora, mas não é. Estou batalhando pela publicação, mas o retorno é demorado, e não quis manter meus escritos na gaveta. Registrei, e postei na net. Estou tentando a edição digital para que ele chegue as editoras com algum "currículo", como alguns autores já estão fazendo, até com sucesso.

Só não dá mais para esperar acontecer!

Beijo grande, e obrigada.

At segunda-feira, dezembro 11, 2006 5:35:00 PM, Blogger Vivien 

Gostei da idéia, vou ler tudo e comentar com vc por email, ok?Gosto muito do que vc escreve.bj.

At segunda-feira, dezembro 11, 2006 8:23:00 PM, Anonymous Leonardo 

Legal, Alê, vou lá ver...

At segunda-feira, dezembro 11, 2006 8:40:00 PM, Anonymous paty-peregrina 

Adorei Alê.Parabéns!!!Pena que não tem espaço para comentar.Beijos

At segunda-feira, dezembro 11, 2006 9:04:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Paty,
optei por não abrir comentários lá, ao menos por enquanto.

Pensei nessa coisa de comentários, deixar ou não, e acabei deixando-os concentrados aqui no Lágrimas mesmo.

Mas deixei lá o link prontinho para o e-mail, querendo escrever, é só mandar!


Beijo grande!

At segunda-feira, dezembro 11, 2006 9:06:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Vivien,
obrigada pela força, e me escreva, sim, por favor.

Foi até parte da opção em não abrir os comentários e focar no e-mail, justamente para mudar e diferenciar do espaço do blog, e ver o "Do fim..." ainda mais como um pré-livro.

Beijo.

At quinta-feira, dezembro 14, 2006 12:30:00 AM, Blogger Felipe 

Poxa, Alê, e se eu te confessar que quase comecei a escrever uma proposta de orelha?
O problema é meu corre-corre de final de ano. Aí, quando eu vi que o tempo estava curtinho, parei ali mesmo.
Se o juízo clarear e surgir uma brecha no vuco-vuco da correria, quem sabe, eu invento de orelhar ali... :D
Beijo grande e parabéns mais uma vez por ousar se movimentar na direção dos seus sonhos possiveis.



LÁGRIMAS LAVADAS© 2006, por Aleksandra Pereira. All rights reserved.