sexta-feira, janeiro 30, 2009
Do fim até o começo

O tempo voa, não é mesmo?

Vejo isso nesse exato momento, enquanto escolho as palavras para contar o final do ano já com o pé encostando o fevereiro...

2008 foi um ano intenso. Para o bom e o ruim.

Li, estudei, questionei, vi as crises de Pânico irem embora, conheci o Alhzeimer de perto, vi as crises de Pânico voltarem, uma endometriose em progressão, um diagnóstico para possibilidades de cura. Colocando assim parece triste, mas olhando agora para 2008 eu teria que ser muito tapada se não passasse por tudo isso aprendendo alguma coisa. Percebo o quanto cresci com isso tudo, o quanto ainda preciso crescer.

Questionei tudo o que conhecia e tinha por certo, grata por confirmar que em muito já acertava, em outros tantos tive que dar uma acertadinha no foco. A gente passa por algumas coisas para perceber que sim, tudo podia ser bem pior, mas em menor ou maior grau a maneira como encaramos os problemas os fazem maiores ou menores. Tudo se resume mesmo em escolhas.

Eu sempre escolhi conhecer. 2008 me ensinou a aprender.
Que 2009 me ensine a viver bem com as minhas escolhas.


Beijo grande procês.

Marcadores: , , ,

 
postado por Aleksandra Pereira às 8:09 AM |


4 Comentários:


At sexta-feira, janeiro 30, 2009 10:58:00 AM, Blogger Ana 

Acho que o mais importante é a certeza que mesmo a dor e o sofrimento terminam, um dia, e deixam coisas positivas, sim.

Vc falou disso tão bem... Mudam os valores, as "importâncias", a nossa visão do mundo...

Espero que vc escreva mais aqui! Tão bom te ler!

Grande beijo! E um 2009 leve e prazeroso, com muita saúde e alegrias!

At domingo, fevereiro 01, 2009 1:31:00 PM, Blogger Aleksandra Pereira 

Ana, minha linda, mais uma vez e sempre, obrigada.

Um 2009 fenomenal pra ti!

Beijo grande.

At sábado, fevereiro 14, 2009 8:53:00 PM, Blogger Stephen Fry 

Pode parecer um clichê, um lugar comum, mas nós aprendemos muito quando vem a dificuldade e o sofrimento. Não é que não se aprenda nada quando se está feliz, mas é que quando chegam os problemas, nós botamos a cabeça para funcionar, nos esforçamos para sair da dificuldade.

Ah! Você escreve muito bem, com muita sensibilidade. Parabéns.

Beijos,

Elaine.

At quinta-feira, outubro 29, 2009 10:11:00 AM, Blogger Vânia Morais :D 

adorie msm a historia da alda
menina passei a madrugada toda procurando uma historia
bscana
e nada eu achava
pq vou contar historias para crianças de 1 a 5 anos
e adorei msm
depois que eu contar a historia
te falo como foi
obrigadaaaaaa
por compartilhar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!



LÁGRIMAS LAVADAS© 2006, por Aleksandra Pereira. All rights reserved.