segunda-feira, outubro 03, 2005
Sonhos de uma noite de verão
"Há quem diga que todas as noites são de sonhos.
Mas há também quem garanta que nem todas,
só as de verão.
Mas no fundo isso não tem importância.
O que interessa mesmo
não são as noites em si, são os sonhos.
Sonhos que o homem sonha sempre
Em todos os lugares, em todas as épocas do ano, dormindo ou acordado."

- William Shakespeare

Marcadores:

 
postado por Aleksandra Pereira às 4:48 PM |


1 Comentários:


At sábado, outubro 01, 2005 7:33:00 PM, Anonymous Ivan 

O sonhos movimentam as ações dos homens. O homem sem sonhos é um homem vazio. Um homem que tem seus sonhos destruídos, e não vê alternativas ou impelido a novos sonhos, perde a vontade de viver e, quando não se mata, é por medo, pela incerteza do que vai encontrar depois da morte. Trágico? Não ter sonhos, e não buscá-los concretizar não é mais trágico ainda?



LÁGRIMAS LAVADAS© 2006, por Aleksandra Pereira. All rights reserved.